Blog do Jorge Maia

October 30, 2018 / by Jorge Maia / 4 comments

PaaS ou SaaS, qual usar nos seus projetos de Internet das Coisas no Azure?

Internet das Coisas tem sempre, no mínimo, três pilares de trabalho, sendo o primeiro hardware, o segundo comunicação e ingestão de mensagem e o terceiro, as vezes não o último, sendo o processamento e análise dos dados. E para que você tenha seu dispositivo devidamente conectado um caminho a ser percorrido pode sempre ser facilitado pelas “plataformas” ou pelos “serviços”, economizando um bom tempo e consequentemente, diminuindo custos e o time-to-market.

Read more

October 30, 2018 / by Jorge Maia / 4 comments

Hoje somos 2G, para onde vamos?

5G é o que vai habilitar as cidades inteligentes! Esta foi a frase que mais ouvi na CES no início do ano em Las Vegas, excelente frase por sinal, mas isso já é uma realidade necessária? Rastreamento, telemetria e mensageria representam mais de 40 milhões de pontos de acesso móvel junto as operadoras e representam quase 20% do mercado de terminais móveis, todas estas usam, em sua maioria, a rede 2G, fadada ao desligamento em breve, mas sem uma data certeira ainda. Graças aos números, ouve-se nos eventos e bastidores de empresas que o 3G morre antes do 2G, mas isto é claro que não deve ser levado em conta para novos negócios e obviamente tem que ser colocado em pauta nas empresas que usam 2G e redes de dados.

Read more

October 23, 2018 / by Jorge Maia / 4 comments

Connect Five - Florianópolis

Participei, no dia 23 de outubro, do Connect Five em Florianópolis, uma conversa com um público de empresas de rastreamento veicular e também de Internet das Coisas. O tema da palestra foi “IoT - Como estamos trabalhando a Inteligência na Ponta”.

Read more

October 22, 2018 / by Jorge Maia / 4 comments

Meetup Vertical IoT na ACATE

Tive o grande prazer de apresentar o Meetup, nesta segunda-feira 22 de outubro, para o pessoal do grupo “Santa Catarina Meetup”, na ACATE em Florianópolis, a convite do André Carlucci.

Read more

October 22, 2018 / by Jorge Maia / 4 comments

Neutralidade da rede e Internet das Coisas

Fomos convidados a um mundo conectado em 1995 aqui no Brasil com a chegada da Internet, iniciando suas operações somente em redes de pesquisa e logo depois se estendendo ao público por meio de provedores. Atualmente contratamos somente a conexão e não mais pagamos aquela taxa de acesso para uso dos roteadores das empresas de conteúdo, que as vezes priorizavam o seu conteúdo, de uma maneira simplória por meio de portais de conteúdo que guiavam os assinantes para o seu “mundo de informações”.

Desde então tivemos o nascimento de uma empresa que mudou o mundo com seu produto, o Google, criador do buscador que revolucionou a forma como vemos o mundo da superfície da web. Hoje não guardamos mais nada, não nos preocupamos com links, nem com o local onde está a informação, simplesmente consultamos no Google. Nada mais de páginas com links, centralizadores de notícias editados, com isso vemos uma nova era surgir, a era do conteúdo com curadoria, como este boletim por exemplo, mas também vemos grandes conglomerados de mídia adquirindo empresas e com isso a rivalidade se torna cada vez mais acirrada. Isso tudo acontece harmonicamente se, e somente se, não tivermos bloqueios pelas operadoras de telecomunicações no tráfego. A esta não regulação do tráfego damos o nome de neutralidade de rede.

Read more
Older Entries Newer Entries